Comunidade Electronica de Salselas

Para Todos os Salselenses pelo Mundo | mail: cer.salselas@gmail.com

domingo, maio 30, 2010

Salselas há 15 anos atras

Publico de seguida um artigo escrito no jornal Ecos da Escola Secundaria de Macedo de Cavaleiros, em Março de 1995. é sempre bom recordar o passado recente e pensar nas mudanças que ocorreram durante esse período de tempo na nossa aldeia.


terça-feira, maio 18, 2010

Imagens Panorâmicas de Salselas

Partilho convosco algumas das imagens da nossa aldeia que fui retirando ao longo do tempo. Podem visitar as restantes imagens ao clicar em cima de uma destas panorâmicas.

De salselas


De salselas


De salselas


De salselas
saudações
carlos pinto ferreira

segunda-feira, maio 17, 2010

Tomada de Posse da Nova direcção da Assembleia de Freguesia


Ocorreu no passado Sábado, dia 15 de Maio, a tomada de posse da Nova Assembleia e Junta de Freguesia de Salselas.
A Assembleia teve lugar no salão multiusos do Museu Rural de Salselas.

A Lista vencedora das eleições extraordinárias do passado dia 18 de Abril, liderada por Marco Pinto Ferreira, eleito pela coligação PSD/CDS-PP tomou assim posse do organismo Autarquico.

Notória foi a ausência dos elementos das restantes listas, nomeadamente o líder da Lista do PS, Luis Escaleira, bem como do independente apoiado pelo Bloco de Esquerda, Joaquim Gonçalves, tambem membros constituintes da comissão administrativa da Junta de Freguesia durante o período transitório.

A Assembleia decorreu procedendo-se a eleição dos corpos constituintes. Foram apresentadas duas listas a votação, lista A e B, saindo vencedora a Lista B. 


A  votação foi realizada com ausência dos elementos eleitos do PS, que não compareceram à Assembleia.


Os organismos da Freguesia ficam constituidos da seguinte forma:


FREGUESIA DE SALSELAS:

PRESIDENTE: Marco Aurelio Pinto Ferreira (SALSELAS - PSD/CDS-PP)

SECRETARIO: José Carlos Carvalho Sarmento (LIMÃOS - PSD/CDS-PP)

TESOUREIRO: João de Deus Pires Baltazar (VALDRÊZ - PSD/CDS-PP)


ASSEMBLEIA DE FREGUESIA

PRESIDENTE: Luisa Elizabete Talhas (SALSELAS - PSD/CDS-PP)

1º SECRETARIO: Daniela Cristiana Santos da Silva (LIMÃOS - PSD/CDS-PP)

2º SECRETARIO: Marta Luzia Sousa Dias (SALSELAS - PSD/CDS-PP)

VOGAL: Fernanda Augusta Vaz Roma (VALDRÊZ - PSD/CDS-PP)

VOGAL: Abrandino Manuel Pires Ladesma (LIMÃOS - PSD/CDS-PP)

VOGAL: João Carlos Simão Rodrigues (LIMÃOS - PS)

VOGAL: Luis Filipe Martins Escaleira (SALSELAS - PS).


Resta ainda referir que a presente equipa representa uma das direcções de  juntas de freguesia mais jovens do País.




segunda-feira, maio 03, 2010

Vitória expressiva da coligação em Salselas

 O ambiente estava calmo ao fechar das urnas em Salselas, no passado dia 18 de Abril. Pela segunda vez, a população foi chamada às urnas e, desta vez, deu a vitória expressiva ao candidato da coligação PSD/CDS-PP, Marco Ferreira.

A curiosidade estava presente no grupo de populares que não arredava pé da porta do edifício que acolhe a Junta de Freguesia e o Museu Rural de Salselas. A primeira contagem a fechar foi a mesa de Salselas, já aqui com vitória para Marco Ferreira, com 94 votos, seguido de Luís Filipe Escaleira, do PS, com 62 e Joaquim Gonçalves com 27 votos. Tudo estava em aberto e as atenções depositavam-se agora na segunda mesa, a de Limãos. Chegados os resultados, a vitória ficou clara. PSD/CDS-PP conseguia mais 92 votos, PS seis e Bloco apenas um.

Marco Ferreira vencedor das intercalares em Salselas. No final os três candidatos ainda “esgrimiam” argumentos sobre o que se passou da última vez que tentaram constituir Assembleia de Freguesia e não conseguiram, mas tal como nesse dia, também no domingo 18 de Abril não estavam os três a chegar a consenso. 

 

Muitas ideias, mas orçamento pequeno

Marco Ferreira tem agora esperança de fazer um bom trabalho, ou pelo menos “o melhor possível”. O agora presidente da Junta de Freguesia de Salselas diz com sorriso à reportagem do Cipreste que “o povo decidiu, está decidido” e é agora altura de “trabalhar para eles”. Contudo, tem noção das dificuldades que se avizinham. “Vamos fazer com que isto vá para a frente, da melhor maneira, vamos lutar, mas o dinheiro é escasso”, diz. Ainda para mais tendo que dividir o bolo que recebe a freguesia pelas três aldeias que a compõem: Limãos, Salselas e Valdrez. “Fazer o mais possível com uma rentabilidade pequena, porque temos que dividir o bolo pelas três aldeias.”  

 

PS desiludido com os resultados

Apesar de considerar que já estava à espera dos resultados, Luís Filipe Escaleira mostrava-se desanimado com os resultados, depois de encerrada a votação. O socialista adverte que “as pessoas foram iludidas num boato que não correspondia à verdade”. Segundo Luís Filipe, a coligação terá feito segunda campanha nas aldeias anexas alegando que PS e BE não tinham deixado constituir a Junta de Freguesia porque não queriam um representante de cada uma das aldeias. Contudo, Escaleira salienta que toda a população estaria representada, pois se não estava no órgão executivo, estaria no órgão legislativo. “Diziam que nós queríamos ficar na Junta e que não queríamos deixar um elemento de Limãos e outro de Valdrez, quando estariam todos representados, mas no órgão deliberativo”, afirma. Daqui para a frente, o candidato do PS garante estar presente e atento ao que se passa na freguesia de Salselas, pro-metendo fazer uma oposição positiva e construtiva.

 

Limãos está no século XVIII, diz BE .

 Apesar de aceitar os resultados com democracia, tendo sido “a vontade das pessoas”, Joaquim Gonçalves, do Bloco de Esquerda, enfatiza aquilo a que chama de forma estranha das pessoas chegarem a essa vontade, criticando também a maneira como a coligação fez campanha para ganhar as eleições. “É claro e sabido que foram utilizadas certas formas de persuasão que não foram as mais correctas. Como sou uma pessoa muito democrática, mais que o partido, prevalecem as pessoas”. Joaquim Gonçalves deixou ainda dicas à autarquia de Mace-do de Cavaleiros, para que olhe de novo para a situação de Salselas e permita que as verbas que não foram afectas à freguesia para 2010, devido à situação de eleições intercalares, sejam agora revistas, porque a freguesia precisa de investimento. O candidato do BE pediu ainda especial atenção para a aldeia de Limãos, que tem sido “botada ao abandono”, estando longe de estar “ao nível do século XXI”, parecendo mais uma localidade “do século XVIII”.

Miguel Midões in jornal "o cipreste" 3/05/2010

sábado, maio 01, 2010

Coligação de direita vence eleições em Salselas



A coligação PSD/CDS-PP venceu, com maioria, as eleições intercalares na freguesia de Salselas, em Macedo de Cavaleiros.


Marco Ferreira será o presidente da Junta de Freguesia, depois de ter recolhido 186 votos, contra os 69 de Luís Escaleira, do PS. Joaquim Gonçalves, do Bloco de Esquerda, somou 28 votos. 

Marco Ferreira atribui a sua vitória sobretudo às aldeias anexas: Limãos e Valdrez e espera agora poder trabalhar na freguesia de Salselas, apesar do magro orçamento.


“Vamos lutar, mesmo sabendo que o dinheiro vai ser escaco. Mas vamos tentar dinamizar o melhor possível e dar apoio às pessoas. Somos três aldeias e tem de se dividir o bolo pelas três. E esperar que a câmara nos ajude”, comentou o vencedor.

Luís Escaleira estava desiludido com os resultados e considera que a população foi iludida por um boato.
“Não era nada que não esperasse, mas ao olhar para estes números ficamos desiludidos. As pessoas foram iludidas por um boato. Que nós queríamos ficar na junta e não queríamos ninguém de Limãos nem de Valdrez, quando todos estavam representados no órgão legislativo e não no executivo.”


O candidato do PS garante que fará agora uma oposição positiva contribuindo em Assembleia de Freguesia com as suas ideias para a freguesia de Salselas.


Já Joquim Gonçalves, do Bloco de Esquerda, aceita os resultados da votação, mas não concorda com a campanha que foi feita pelo vencedor.
“Foi a vontade das pessoas. A forma como fizeram campanha para chegar a essas pessoas não foi a melhor. Usaram-se formas de persuasão que não foram as mais correctas. Mas já está e eu sou uma pessoa democrática.”

Joaquim Gonçalves espera que a Câmara Municipal apoie a actual Junta de Freguesia e ressalva que as atenções deveriam agora voltar-se para a aldeia de Limãos, pois considera que tem sido a aldeia mais prejudicada da freguesia.


Escrito por CIR in RADIO BRIGANTIA 19ABRIL2010